Com resposta do público, Beija-Flor faz desfile competente com enredo sobre cavalo

Do UOL, em São Paulo*

Uma apresentação quase impecável e repleta de luxo e celebridades marcou a passagem da Beija-Flor pela Sapucaí nesta segunda-feira (11). A agremiação de Nilópolis foi terceira escola a entrar na Sapucaí na segunda leva de desfiles do Grupo Especial carioca com o enredo "Amigo Fiel, do cavalo do amanhecer ao Mangalarga Marchador", que abordou desde o cavalo-título até guerras.

VEJA LETRA DO SAMBA

Sou Mangalarga Marchador!
Um vencedor, meu limite é o céu!
Eu vim brilhar com a Beija-Flor...
Valente guerreiro, amigo fiel!

 

Eu vou cavalgar, pra encontrar
A minha história nesse mundo de meu Deus!
Venho de longe de uma era milenar,
fui coroado quando o dia amanheceu!
Brilha, estrela guia... Um viajante, a sua sede a matar!
Presente de grego, que grande ironia
Herói das batalhas, real montaria!
Com asas surgiu do infinito, tão claro mito..
A joia rara de Alah!
Cigano... Buscando a purificação!
Trotando elegância e bravura,
A minha aventura se torna canção!

 

É o bonde que vai, carruagem que vem...
Na viagem que trás, o amor de alguém!
Indomável corcel, alazão da coroa...
troféu da nobreza, estrela que voa!

 

Amigo do Rei, pela estrada lá vai o Barão!
Sul de Minas Gerais, galopei...
A riqueza da mineração!
Café me fez marchar... Ao rio da corte a bailar!
Acreditar... Que fui a raça escolhida!
Sou um puro sangue azul e branco,
um acalanto... a mais sublime criação!
Sou eu o seu cavalo de batalha,
se a memória não me falha...
Chegou a hora de gritar é campeão!

 

Sou Manga Larga Marchador!
Um vencedor, meu limite é o céu!
Eu vim brilhar com a Beija-Flor..
Valente guerreiro, amigo fiel!

Puxada pela voz de Neguinho da Beija-Flor (veja letra do samba ao lado), a escola teve um desfile menos tumultuado do que outras favoritas como Unidos da Tijuca e Mangueira. As arquibancadas reagiram com estusiasmo às paradinhas da bateria coordenada por mestre Rodney. O desfile começou à 0h18 e terminou 1h33, após 75 minutos.

Com patrocínio da associação de criadores da raça de cavalo Mangalarga, em Minas Gerais, a Beija-Flor pode contar com figuras tradicionais em seu desfile como a atriz Cláudia Raia e novidades como Nicole Bahls, que retornou à escola após estrear com vitória em 2011, quando a agremiação homenageou o cantor Roberto Carlos.

Desfile

Um cavalo puxado por centuriões marcou a comissão de frente da escola, que apresentou um enredo que falava sobre o Mangalarga Marchador e sobre outros cavalos históricos. Em cima do cavalo, um componente encarnava são Jorge e seu fiel escudeiro. Os integrantes da primeira comitiva estavam vestidos como moradores da Capadócia.

Assim como outras escolas, a Beija-Flor trouxe um dragão gigantesco como uma das atrações iniciais. A imponente alegoria trazia asas que, quando abertas, alcançavam 8 metros de extensão.

Até mesmo a pintura rupestre, primeiro dos registros gráficos sobre a existência de cavalos e sua função para a sociedade, foi abordada no carro abre-alas.

Para representar o homenageado pelo desfile, o passista Cássio, um dos destaques da escola, se vestiu todo de preto para encarnar Mangalarga Marchador.

Luxo

Claudinho e Selminha Sorriso, mestre-sala e porta-bandeira da Beija-Flor, desfilaram mais uma vez pela escola de Nilópolis. A dupla destaca o estandarte da agremiação desde 1996. Outra figura famosa da escola, Neguinho da Beija-Flor puxou o samba que falava sobre guerras e equinos.

Luxuoso, o desfile da agremiação contou com homens das cavernas de cinco metros, que adornavam o segundo carro alegórico, e fantasias variadas, feitas como todo tipo de material -- desde capim simples até penas de pavão. A escola entrou na avenida com 44 alas, oito carros alegóricos e dois elementos.

O único ponto negativo da escola ficou por conta de um carro alegórico que apresentou problemas de acoplagem e precisou ser unido manualmente no meio do desfile. Com o limite de oito carros alegóricos por escola, é possível que a agremiação perca pontos caso os jurados levem o defeito em conta e somem uma nona alegoria ao total da Beija-Flor.

Entre as musas, Raíssa de Oliveira seguiu como um dos principais rostos do desfile, mantendo o cargo de rainha da bateria pelo 11º ano consecutivo. Já a atriz Nanda Costa que interpretou Morena em "Salve Jorge" foi destaque no quinto carro da Beija-Flor.

*Com reportagem de Fabíola Ortiz e Renato Damião

Veja também



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos