Rio de Janeiro

Atração do CarnaUOL RJ, Ludmilla vai curtir folia pela primeira vez em anos

Giselle de Almeida

Do UOL, no Rio

  • Reprodução/Instagram/

    A cantora Ludmilla se apresenta no CarnaUOL RJ

    A cantora Ludmilla se apresenta no CarnaUOL RJ

O Carnaval 2016 será marcante para Ludmilla: em alta com hits como "Hoje" e "Te Ensinei Certin", a funkeira faz sua estreia como rainha do tradicional bloco Cordão da Bola Preta, no Rio, no sábado (6), e desfila como destaque do Salgueiro, na segunda-feira (9). Mas a folia já começa na sexta-feira (5), quando a cantora comanda o CarnaUOL RJ, a partir das 20h, no Jockey Club. 

No evento, que está com ingressos à venda, e tem ainda apresentações de Thiago Martins e Melanina Carioca, Ludmilla anima o público com hits de Ivete SangaloChiclete com Banana, além do repertório de sua turnê e marchinhas de Carnaval. O hit "1% Vagabundo" também faz parte do setlist.

"Já canto algumas dessas músicas no meus shows, quando eu sinto que a festa está bem para cima. E Carnaval está aí para isso mesmo, para juntar mesmo", afirma a funkeira.

Apaixonada por Carnaval desde criança, a cantora diz ter saudade de quando viajava com a família para a Região dos Lagos. Desde que entrou na carreira artística, no entanto, ela conta que a festa virou sinônimo de trabalho. "Uma única vez fui para Salvador, mas foi para fazer show. Nunca mais curti. Os dias do Bola Preta e da Sapucaí vão ser minhas folgas de algumas horinhas", brinca.

Divulgação
Ludmilla promete hits de Chiclete com Banana, Ivete Sangalo e Wesley Safadão

Coroada rainha do bloco que frequentava desde pequena, Ludmilla diz que o sábado será um dia de muita emoção. "É um bloco tradicional do Rio de Janeiro, tem 98 anos. Sempre curti, e agora vai ser muito especial. Estou muito ansiosa. Meus fãs são jovens, adolescentes, que talvez nem soubessem da existência do Bola, e eles vão saber através de mim. Acho que vai atrair bastante gente jovem esse ano", acredita.

Dizendo-se boa de samba no pé, a funkeira também mal vê a hora de defender a escola de coração na Avenida. "A recepção da escola foi a melhor possível. No ensaio técnico, em qualquer lugar que eu passava, todo mundo gritava, cantava, chorava. Eles me receberam de braços abertos. Estou fazendo de tudo para estar preparada, mas vou saber como é na hora do desfile mesmo", conta.

Ludmilla ensaia com o
 
 
 
 
Salgueiro
Veja Álbum de fotos

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos