São Paulo

Madrinha da comunidade mostra por que destronou Juju Salimeni da Peruche

Gisele Alquas

Do UOL, em São Paulo

Aos 27 anos, a atriz e ex-assistente de palco do "Domingo Show", Nuelle Alves abrirá a segunda noite do Carnaval de São Paulo neste sábado (6).

Madrinha de bateria da Unidos do Peruche, Nuelle chegou ao posto por indicação do presidente da escola, Sidney de Moraes, o Ney, que preferiu colocá-la no cargo em vez de manter a ex-panicat Juju Salimeni.

"A Juju não queria musas na frente da bateria, apenas ela e a rainha. Eu venho também na frente da bateria e ela não queria, então o presidente Ney optou por mim porque ano passado eu desfilei com eles debaixo de chuva e sou da comunidade", explicou Nuelle em entrevista ao UOL.

Ansiosa para defender o enredo da escola, que este ano homenageia os 100 anos do samba, Nuelle diz "não ter dormido a semana toda". "Fiz muito aeróbico, estou tomando muito chá de hibisco, comendo frutas e treinando em jejum", disse a beldade.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos