Rio de Janeiro

Após dois desfiles, Ana Hickmann nega ter passado mal: "Foi a maratona"

Do UOL, em São Paulo

Após enfrentar uma maratona no Carnaval este ano, a apresentadora Ana Hickmann saiu da Sapucaí amparada pelo marido, Alexandre Correa, e membros da Grande Rio, escola da qual foi musa no desfile de domingo (7). 

O calor e a adrenalina intensa, após quase 90 minutos de samba no pé, deixaram a apresentadora exausta. Ao UOL, no entanto, ela negou que tenha passado mal.

A emoção, ao fim do desfile, foi redobrada. Ana voltou a desfilar pela Grande Rio após quatro anos afastada do Carnaval carioca. "Eu estava morrendo de saudade de desfilar pela Grande Rio. Voltar ontem foi maravilhoso. A fantasia estava linda. Eu me senti linda na avenida e me diverti", disse ao UOL.

O corpo, ela garante, está melhor do nunca: "Acho também que chegando aí aos 35 anos, falta menos de um mês, posso dizer que eu gostei mais do meu corpo agora do que aos 25, quando desfilei pela primeira vez pela Grande Rio."

Em suas redes sociais, Ana acalmou seus seguidores que ficaram preocupados ao ver a imagem dela deixando a Sapucaí. "Não passei mal, não caí. Uma mão no rosto não significa nada. O desfile foi incrível. Povo tem que tomar cuidado com as notícias. Meu marido me carregar não significa que eu tenha passado mal. Eu passei por uma maratona e o maridão está do lado para me ajudar a sair da avenida e voltar para o camarote, disse.

A apresentadora já acordou cedo e pegou um voo para São Paulo, onde deve gravar o programa "Hoje em Dia", da Record, na terça-feira (9).

Na madrugada anterior, Ana já havia enfrentado outra avenida, ao desfilar pela Vai-Vai no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo. Ela representou o Museu do Louvre, um dos maiores e famosos museus do mundo.
 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos