Rio de Janeiro

"A maioria falou bem", diz Viviane Araújo sobre polêmica com fantasia

Giselle de Almeida

Do UOL, no Rio

A rainha da bateria do Salgueiro Viviane Araújo minimizou as críticas que recebeu por sua fantasia no desfile de segunda-feira (8). "Era o que o enredo pedia", disse ela, ao chegar para apuração do Carnaval 2016 do Rio.

Vivi entrou na Marquês de Sapucaí vestida com terninho e chapéu, bem diferente do figurino sexy que costuma ostentar na avenida. Para entrar no clima do enredo "A Ópera dos Malandros", a fantasia "masculina" de Viviane representava o malando Max Overseas, que tem uma relação de paixão e traição com Geni. Atrás da atriz, os ritmistas da bateria vestiam roupas de cor-de-rosa, com máscaras de traços femininos, representando a personagem Geni. A inovação gerou muitos comentários nas redes sociais.

"As pessoas estão acostumadas a me ver mostrando mais o corpo, então acho que isso pode ter decepcionado alguns fãs. Acompanhei os comentários, mas a maioria falou bem. Foram poucos que reclamaram", disse ela.

A rainha já havia recebido críticas de internautas após se vestir como a pomba-gira Maria Padilha, entidade do candomblé e da umbanda, durante um ensaio técnico do Salgueiro.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos