Rio de Janeiro

Aos 52, musa do Salgueiro dispensa malhação e foca em tratamentos estéticos

Douglas Shineidr/UOL
Edclea Neves, que é passista no Carnaval do Rio há 40 anos, diz pensa em se aposentar do samba, mas que falta coragem Imagem: Douglas Shineidr/UOL

Ana Cora Lima

Do UOL, no Rio

02/02/2017 13h39

Edclea Neves é uma das divas que o Salgueiro vai levar para a Sapucaí em seu desfile, no domingo (26). No posto desde 2008, a passista de 52 anos se orgulha de ser uma das mais experientes na avenida e admite, sem falsa modéstia, que adora receber elogios pelo pique e pelos atributos físicos.

Durante o ensaio para UOL na quadra da Vermelho e Branco da Tijuca, dois sambistas, ao verem a musa sendo fotografada, fizeram sinais positivos com os polegares e usaram uma expressão que Edclea adora e diz combinar com o seu estado de espírito: “Põe muita menininha de 20 anos no chinelo”.

E ela mesma explica o motivo: “É maravilhoso isso!! Receber elogios das pessoas e ser admirada por ter 52 anos e estar bem, se sentir inteira. Isso me dá mais estímulo para continuar me cuidando".

Douglas Shineidr/UOL
"Faço tudo porque odeio malhar e fazer dietas", diz a musa salgueirense Edclea Neves Imagem: Douglas Shineidr/UOL
Boa de garfo e assumidamente sem a menor vocação para malhação, Edclea credita à genética o fato de manter há anos as mesmas medidas: 105 cm de quadril, 65 cm de busto e 70 cm de cintura. Mas ela também não abre mão dos tratamentos estéticos.

“Esses são os meus melhores amigos. Levantam o meu astral e não deixam nada cair. Faço tudo: choques, ultrassom e congelo gorduras. O que o mercado estético inventar, recomendar, eu faço”, brinca.

Mãe de uma moça de 21 anos, Edclea vem de uma família do samba, na qual todas as mulheres participavam de shows e rodas de samba na Arranco de Engenho de Dentro -- uma das mais antigas e tradicionais agremiações do Rio.

Aos 12 anos, estreou como rainha de bateria do bloco Bacana da Piedade, e daí por diante não parou mais. “Fui mulata-show de várias casas de espetáculos. Viajei o Brasil todo sambando, e esse ano completo 40 anos nessa estrada.”

No desfile de 26 de fevereiro, Edclea só adianta que sairá a bordo de uma fantasia com muito brilho, que ela deseja que seja confortável para sambar à vontade. O Salgueiro vai apresentar o enredo "A Divina Comédia do Carnaval".

"Eu acho que independentemente de ser celebridade ou não, uma musa tem que ter carisma e gostar muito do Carnaval. Desfilar com prazer. Eu respeito todas, mas me acabo sambando. Eu sou uma musa de samba no pé", analisa ela, que já pensa em se aposentar da folia, mas falta coragem. "É difícil deixar de fazer uma coisa que te faz bem, né? Por enquanto, eu continuo."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Da Redação
do UOL
Agência Estado
Da Redação
Estadão Conteúdo
Da Redação
do UOL
do UOL
do UOL
redetv
do UOL
Agência Estado
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
UOL Entretenimento
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Entretenimento
UOL Entretenimento
UOL Entretenimento
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Agência Estado
do UOL
Colunas - Flavio Ricco
do UOL
Topo