Blocos de rua

Com onda negra, bloco afro Ilu Inã estreia no Carnaval de São Paulo

Divulgação
Ensaio do bloco afro Illu Ina na Aparelha Luzia Imagem: Divulgação

Miguel Arcanjo Prado

Colaboração para o UOL

16/02/2017 19h51

Uma onda negra, repleta de turbante colorido, black power e cabelo trançado, passará pelas ruas do bairro de Campos Elíseos, no centro de São Paulo, na próxima segunda (20). Com concentração a partir das 15h e desfile às 18h, estreia no Carnaval paulistano o bloco afro Ilu Inã.

Ele sai em frente à Aparelha Luzia, efervescente centro cultural negro na rua Apa, 78, próximo ao metrô Marechal Deodoro. Os últimos ensaios em clima de esquenta acontecem no espaço, neste sábado (18), às 19h, e domingo (19), a partir das 16h, com entrada gratuita.

Fernando Alabê, percussionista e idealizador do Ilu Inã ao lado de sua irmã Fefê Camilo, conta ao UOL que o bloco surgiu de “uma necessidade ancestral” para destacar “a potência da comunidade negra”, reiterando que os negros representam 54% da população brasileira.

Ilu significa tambor, já inã, fogo. “O maior motivo para a criação deste bloco hoje é realmente a necessidade desta parcela significativa da população ser vista junta, unida, criativa, movimentadora. Isso está presente na simbologia de nosso patrono, Exu, [orixá] que rege as trocas, o comércio a comunicação, a felicidade, a liberdade”, explica.

O bloco foi criado em reuniões e encontros que aconteceram desde maio do ano passado na Aparelha Luzia, que contaram com apoio da idealizadora do espaço, a artista plástica Erica Malunguinho, e assessoria de Valéria Alves, pesquisadora e especialista em grupos e blocos de matriz africana.

O Ilu Inã é fruto de jovens negros cada vez mais conscientizados e que querem celebrar sua cultura no Carnaval. “A população negra que hoje se configura como verdadeira onda negra que hoje lota salas de teatro, concertos, shows, saraus, acadêmicos, eventos comerciais, culturais voltados para as africanidades presentes em São Paulo é a massa percussiva e coreográfica que levará as canções do bloco”, afirma Alabê.

As músicas compostas especialmente para a estreia do Ilu Inã na folia são “Ogó” (Fernando Alabê e Melvin Santhana), “Inã” (Allan da Rosa) e “Ilu Inã” (Vitor Trindade), que serão entoadas pelos cantores Aloysio Letra, Harry de Castro, Luana Bayo, Danuza Novaes e Ligia Hipólito, com participação de Adriana Moreira e Melvin Santhana com sua “guitarra incendiária”.

E para desfilar abençoado, o Ilu Inã recebeu na madrugada do último domingo (12) a visita de integrantes do Filhos de Gandhy, bloco afro histórico fundado em 1949 em Salvador da Bahia, que tocaram com os músicos do Ilu Inã. “Foi uma noite histórica”, define Erica Malunguinho.

Bloco Ilu Inã
Quando: Segunda (20), concentração às 15h e saída às 18h
Onde: Rua Apa, 78, Campos Elíseos, próximo ao metrô Marechal Deodoro, São Paulo
Percurso: Rua Apa, Rua Gal. Júlio Marcondes, Praça Olavo Bilac, Rua Brigadeiro Galvão, Avenida Angélica, Rua Barra Funda, Rua Vitorino Carmilo, Praça Olavo Bilac, Rua Júlio Marcondes e Rua Apa.
Últimos ensaios/esquentas: Sábado (18), às 19h, e domingo (19), a partir das 16h, no mesmo endereço

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
Agência Estado
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Agência Estado
do UOL
Agência Estado
Carnaval 2017
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
Topo