CarnaUOL

Anderson Baltar

Unidos de Bangu e Império da Tijuca definem sambas para o Carnaval 2019

Divulgação
Compositores do Unidos de Bangu Imagem: Divulgação
Anderson Baltar

Anderson Baltar

Anderson Baltar é jornalista, formado pela UFRJ e tem 42 anos. Com mais de 15 anos de experiência na mídia carnavalesca, foi assessor de imprensa da União da Ilha e Império Serrano, produtor de Carnaval da TV Globo e trabalhou em coberturas de desfiles nas rádios Manchete e Tupi. Desde 2011, é âncora e coordenador da Rádio Arquibancada, web rádio com programação inteiramente voltada para o Carnaval. Em 2015, lançou o livro "As Primas Sapecas do Samba", ao lado dos também jornalistas Eugênio Leal e Vicente Dattoli.

07/09/2018 13h25

Mais duas escolas de samba da Série A (Grupo de Acesso) do Carnaval carioca definiram seus sambas para o Carnaval 2019. A madrugada deste feriado foi marcada por festas nas quadras da Unidos de Bangu e do Império da Tijuca, que realizaram as finais de seus concursos com forte participação de suas comunidades.

A Unidos de Bangu, 12ª colocada no Carnaval passado, fez uma final que chamou a atenção pelo grande número de disputantes: seis. No final, venceu o samba assinado pela parceria formada por Samir Trindade, André Kaballa, Marcio de Deus, Wellington Amaro, Paulinho Ferreira, Henrique Costa, Fabio Fonseca, Famio Martins, Neyzinho do Cavaco, Julio Assis, Marlon P. e Vinicius Sombra.

A escola será a primeira a desfilar no sábado de Carnaval na Sapucaí e apresentará o enredo “Do ventre da terra, raízes para o mundo”, dos carnavalescos Edson Pereira e Alex de Oliveira.

Em disputa equilibrada, no Império da Tijuca venceu o samba de Diego Nicolau, PIxulé, Braguinha Cromadinho, Jota e Tinga. A verde e branca do morro da Formiga, sétima colocada em 2018, será a quinta escola a desfilar no sábado  de Carnaval com o enredo “Império do Café, o Vale da Esperança”, do carnavalesco Jorge Caribé.

Ouça os áudios e leia as letras dos dois sambas:

Unidos de Bangu

Compositores:  Samir Trindade, André Kaballa, Marcio de Deus, Wellington Amaro, Paulinho Ferreira, Henrique Costa, Fabio Fonseca, Famio Martins, Neyzinho do Cavaco, Julio Assis, Marlon P. e Vinicius Sombra

ESTENDE O TAPETE DA HISTÓRIA
PRO AMOR MAIS ANTIGO, MEU PAVILHÃO
PREPARE O BANQUETE DA GLÓRIA
VEM DA ZONA OESTE, ESSA DEVOÇÃO
OS DEUSES VEM COROAR
DEUS SOL ILUMINAR

DO ALTO NASCIA, A FORÇA DA VIDA
POR TODOS OS CANTOS SE ESPALHARIA
PACHA MAMA É MÃE
DO SEU VENTRE UM NOVO DIA

OURO DO CHÃO, TERRA MOLHADA
NA SAGRADA FÉ, RENEGADA
MATOU FOME DA POBREZA
FOI A CURA DO MAL
NOS SALÕES DA REALEZA
O PRATO PRINCIPAL

PARMENTIER, BRILHOU EM VERSALHES
DE RAINHAS E REIS
NAVEGOU OUTROS MARES
TESOURO À MODA FRANCESA
CHEGOU NO BRASIL “REAL”
A DOÇURA DO ÍNDIO, ANTES DE CABRAL
MÃOS PLANTARAM UM LINDO MATIZ
AS MÃOS QUE ERGUEM MEU PAIS
DA SIMPLICIDADE, DO CHEIRO DE MATO
NA PONTA DA ENXADA O NOSSO RETRATO
LÁ VEM MEU CELEIRO
SEMEIA BANGU PRO MUNDO INTEIRO

VAMOS PLANTAR A PAZ
CHEGOU MINHA RAIZ
O CALDEIRÃO VERMELHO
CRESCEU E NÃO SE DESFAZ
ALIMENTA ESSE POVO GUERREIRO

Império da Tijuca

Compositores: Diego Nicolau, Pixulé, Braguinha Cromadinho, Jota e Tinga

VENTOS DE DOR OS TROUXERAM PRA CÁ
FÉ QUE GUIOU O DESTINO DE TANTOS
AFRICANOS DESTINADOS À SAUDADE
SOL E CHUVA, A TRISTEZA COMO PAR

NÊGO TÁ CANSADO
NÊGO TEM QUE TRABAIÁ

O OURO NEGRO ENRAÍZA A ESCRAVA LIDA
E FAZ O ÁUREO PODER DEIXAR O BREU
A BOA MÚSICA VALSAVA EM POESIA
ENQUANTO O ÉBANO SANGUE ESCORREU

TEM BATUQUE, JONGO, CAPOEIRA
NA MANDINGA DA VOVÓ BENZEDEIRA
NO TERREIRO FIRMA O PONTO
GIRA DOS MEUS ORIXÁS
FORÇA DA FÉ QUE DOBRA O CAPATAZ

AH! PASSOU O TEMPO
O VALE SE TRANSFORMOU
A IMIGRANTE MÁGICA MISTUROU
FEZ RENASCER
A ESPERANÇA DESSA GENTE
MÃOS CALEJADAS FAZENDO ARTE
E UM AROMA DE ENLOUQUECER
UNEM-SE À FOLCLÓRICA VERDADE
TANTA GENTE VEIO CONHECER
A LUZ QUE PROTEGE A ALMA
A CRUZ, PEÇO PRA ME GUIAR
SE HOJE É AGRONEGÓCIO
QUE TRAZ O PROGRESSO
O POVO AGRADECE E VEM CANTAR

DESCE O MORRO DA FORMIGA
MEU IMPÉRIO DA TIJUCA
VAI À LUTA
TRAZ O VALE DO CAFÉ
NEGRITUDE DE VALOR
NUM LINDO ROSÁRIO DE AMOR

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Topo