CarnaUOL

Anderson Baltar

Samba preferido da comunidade vence na Viradouro

João Paulo Côrrea/Divulgação
Compositores da Viradouro comemoram samba vencedor da final Imagem: João Paulo Côrrea/Divulgação
Anderson Baltar

Anderson Baltar

Anderson Baltar é jornalista, formado pela UFRJ e tem 42 anos. Com mais de 15 anos de experiência na mídia carnavalesca, foi assessor de imprensa da União da Ilha e Império Serrano, produtor de Carnaval da TV Globo e trabalhou em coberturas de desfiles nas rádios Manchete e Tupi. Desde 2011, é âncora e coordenador da Rádio Arquibancada, web rádio com programação inteiramente voltada para o Carnaval. Em 2015, lançou o livro "As Primas Sapecas do Samba", ao lado dos também jornalistas Eugênio Leal e Vicente Dattoli.

30/09/2018 08h01

De volta ao Grupo Especial, a Unidos do Viradouro realizou, na madrugada deste domingo (30), a sua final de samba-enredo. Dentre os três sambas finalistas, a diretoria da vermelho e branca de Niterói optou pelo samba preferido pelos seus componentes. A obra é assinada por Renan Gêmeo, Bebeto Maneiro, Thiago Carvalhal, Ludson Areia, Jr. Filhão, Raphael Richaid, Ricardo Neves e Carlinhos Viradouro.

Campeã do Carnaval de 1997, a Viradouro retorna ao desfile principal após três anos de afastamento. E não mediu esforços para fazer um desfile que a qualifique para a briga pelas primeiras posições. Trouxe o carnavalesco Paulo Barros, o coreógrafo Alex Neoral e o mestre de bateria Ciça, que se somaram a um time já forte, composto pelo intérprete Zé Paulo Sierra e o  experiente casal de mestre-sala e porta-bandeira Julinho e Rute. E, nesta noite, a escola marcou mais um ponto em seu check-list: escolheu um belo samba, com dois refrãos explosivos e que emocionou a quadra com versos como “o brilho no olhar voltou”.

Em uma quadra belamente iluminada e com fogos de artifício em profusão, a Viradouro iniciou a programação apresentando um show de 1h20 em que seus principais sambas do passado se apresentaram em meio a coreografias precisas e uma cenografia minimalista, mas funcional. O suficiente para incendiar a quadra e dar a senha de que a noite seria especial.

O primeiro samba a se apresentar, da parceria comandada por Felipe Filósofo, fez uma apresentação bastante competente. Os torcedores e boa parte dos componentes da escola cantaram o samba, a despeito do andamento um pouco abaixo do desejável. Mas a catarse estava reservada para a apresentação seguinte. O samba de Renan Gêmeo provocou uma verdadeira avalanche de alegria na quadra. Cantado quase em uníssono pelos componentes, mostrou-se o mais adequado para o desfile da escola. O último samba a se apresentar, da parceria de PC Portugal, ressentiu-se do clima de fim de festa e passou de forma fria, provocando pouco entusiasmo.

A Viradouro será a segunda escola a desfilar no domingo de Carnaval, com o enredo “Viraviradouro”, assinado por Paulo Barros. A temporada de finais de samba do Grupo Especial carioca tem sequência na próxima quinta-feira (04), com a Beija-Flor de Nilópolis. Na sexta (05), é a vez da Portela. Já a União da Ilha do Governador faz sua final no sábado (06).

Ouça o samba abaixo

Confira o samba da Viradouro para o Carnaval 2019:
Conpositores: Renan Gêmeo, Bebeto Maneiro, Thiago Carvalhal, Ludson Areia, Jr. Filhão, Raphael Richaid, Ricardo Neves e Carlinhos Viradouro

SE TEM MAGIA, ENCANTO NO AR
EU VOU VIAJAR OUVINDO HISTÓRIAS
DE UM LIVRO SECRETO
MISTÉRIOS SEM FIM
VOVÓ DESPERTA A INFÂNCIA EM MIM
EM CADA CONTO SOU MAIS UM MENINO
QUE MUDA A SORTE E SELA O DESTINO
LANÇADO O FEITIÇO PRA VIDA VIRAR
PRO BEM OU PRO MAL É CARNAVAL
E NA FANTASIA
A MINHA ALEGRIA É UM SONHO REAL
NO REINO DA ILUSÃO
O AMOR SEDUZ O VILÃO
NUM CONTO DE FADAS, A FELICIDADE
ENCANTA O MEU CORAÇÃO PRA CANTAR
DEIXANDO A TRISTEZA DO LADO DE LÁ
E QUEM OUSOU DESAFIAR
A IRA DIVINA
VAGOU NO MAR
CEGO PELA SEDE DA AMBIÇÃO
CARREGANDO A SINA DESSA MALDIÇÃO
SERES DA SOMBRIA MADRUGADA
O MEDO CAMINHOU NA ESCURIDÃO
MAS A CORAGEM QUE ME FAZ LUTAR
É A ESPERANÇA, RAZÃO DE SONHAR
IMAGINAR E RENASCER
NO SOL DE CADA AMANHECER
DAS CINZAS VOLTAR
NAS CINZAS VENCER
QUEM ME VIU CHORAR
VAI ME VER SORRIR
PODE ACREDITAR, O AMOR ESTÁ AQUI
VIRAVIRADOURO ILUMINOU
O BRILHO NO OLHAR VOLTOU

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Anderson Baltar
Topo