CarnaUOL

São Paulo

Com "melhor corpo", repórter do "TV Fama" fará jornada dupla no Carnaval

Ronaldo Gutierrez/Divulgação
Franklin David quis fazer ensaio para homenagear trabalhadores das escolas de samba Imagem: Ronaldo Gutierrez/Divulgação

Janaína Nunes

Colaboração para o UOL, em São Paulo

27/01/2018 04h00

Franklin David, do "TV Fama", se considera um repórter fora do padrão. Ele sempre está atrás das celebridades, mas também flerta com a fama. Modelo e ator, em seu mais recente ensaio fotográfico, o jornalista aparece todo suado e de macacão (aberto) no barracão da Independente Tricolor, escola pela qual vai desfilar após um longo período fora da passarela do samba.

O repórter da Rede TV! ficou seis anos sem desfilar, e agora conciliará novamente seu papel na agremiação e seu ofício como repórter de bastidores. Sobre a jornada dupla, disse que gosta da adrenalina, mas a correria para tudo dar certo é intensa. "Chegou uma hora que achei que não fosse dar certo. Existe um cronograma a ser obedecido pela escola, horário do guindaste para te colocar no carro, nada pode dar errado. E nos bastidores da Rede TV é o contrário, é em tempo real e não tem cronograma, tudo pode acontecer", diz.

A RedeTV! investe pesado em uma das coberturas mais excêntricas e divertidas dos bastidores da festança. “Gravo, desfilo e volto para o batente. Recebi o convite da escola e aceitei porque me senti em casa. Visitei o barracão, gostei muito do que vi e resolvi fazer fotos inspiradas nos operários que trabalham ali por meses e que quase ninguém vê”, conta.

Ronaldo Gutierrez/Divulgação
Franklin David é repórter do "TV Fama" Imagem: Ronaldo Gutierrez/Divulgação

Marmitas para "o melhor corpo que já teve"

No ensaio, o loiro de 31 anos esbanja sensualidade sem sofrer. Aliás, mostrar seu corpo sarado nas redes sociais virou quase uma obsessão. O excesso de exposição, segundo ele, não atrapalha seu trabalho como jornalista. “Não me encaixo e nem quero me encaixar em nenhum padrão de repórter. Faço minhas entrevistas normalmente, passo credibilidade e recebo um ótimo feedback da direção. Quando estou posando para as lentes, quem está ali é o ator e o modelo. É arte. Além do mais, sempre peço permissão para fazer um ensaio. Tenho o apoio da chefia”, afirma.

A disciplina de Franklin para manter o seu físico em dia é notável, inclusive durante os ensaios e nos bastidores de suas entrevistas. Aonde quer que vá, o repórter carrega suas marmitas para cima e para baixo com uma dieta regrada. "Eu cozinho, monto as marmitas e levo minha maleta térmica com 6 refeições pra rua. Chego nas pautas e campanhas com a maleta cheia de carne e batata doce sem medo de ser feliz. Claro, muita gente olha estranho, marmita ainda não é algo tão comum, mas eu não ligo", continua.

Antes de iniciar a maratona pré-Carnaval, consultou seus médicos e traçou um plano para chegar impecável ao Carnaval. "Cheguei lá e joguei o papo reto: 'Vou desfilar e quero estar com o melhor corpo que eu já tive, ganhar massa magra e definir mais'. Depois que entrei no plano alimentar traçado por eles eu me arrependi um pouco de ter dito que queria o melhor corpo.(risos)".

Ronaldo Gutierrez/Divulgação
Franklin David quis "seu melhor corpo" para o Carnaval 2018 Imagem: Ronaldo Gutierrez/Divulgação

A Independente será a primeira escola a desfilar na passarela do samba de São Paulo. O repórter do "TV Fama" virá como destaque de um carro alegórico. O enredo da escola fala sobre filmes de terror. “Vou interpretar um personagem horripilante. Farei uma performance. É tudo surpresa”, diz empolgado.

Baiano de Botuporã (680 km de Salvador), Franklin adora uma folia e gostaria de mostrar mais seu lado divertido. Quem me conhece sabe que sou brincalhão e só posso mostrar esse lado quando faço algum ensaio. Brinquei com o clipe da Anitta ("Vai Malandra") no Instagram e recebi muito likes por isso”, completa.

Apesar do retorno positivo por suas fotos, o rapaz não pensa em largar o "TV Fama" tão cedo nem desistir da carreira de ator. “Fui chamado para fazer uma peça infantil. Não deu porque minhas pautas são noturnas. Ainda não consigo conciliar as duas coisas. Tudo tem seu tempo”. Enquanto não surge um trabalho ligado as artes, Franklin vai brincando de Pamela Anderson nas redes sociais.

Ronaldo Gutierrez/Divulgação
Neste Carnaval, ele vai encarar a avenida em desfile e também trabalhará como repórter Imagem: Ronaldo Gutierrez/Divulgação

Cara de pau na hora de abordar celebridades

Uma das tarefas mais difíceis dos repórteres que cobrem celebridades no Carnaval é conseguir abordar os famosos, que geralmente também estão na correria e nem sempre muito dispostos a falar. "Eu procuro sempre ganhar a confiança da pessoa em questão", explica Franklin. O repórter diz que também é importante ter uma postura que não cause uma sensação de "cobrança" ao entrevistado.

"É necessário também um estudo como cada personagem pode reagir, muita educação, um pouco de bom humor e cara de pau. O que eu não aceito é que ninguém falte com o respeito comigo. A pessoa escolheu essa vida, escolheu aparecer, então é natural que as pessoas queiram saber dela. Não saio de casa para brincar de telefone sem fio, fazer fofoca por fazer, saio pra trabalhar", conclui.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Da Redação
Da Redação
Da Redação
TV e Famosos
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Agência Estado
Agência Estado
Agência Estado
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
Topo