CarnaUOL

Minas Gerais

Cidades históricas unem pegação universitária e marchinhas no Carnaval

Alexandre Mota/UOL
Foliões ganham um refresco no Carnaval de Ouro Preto Imagem: Alexandre Mota/UOL

Miguel Arcanjo Prado

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte

09/02/2018 09h41

As cidades históricas mineiras têm a fama de fazerem o mais animado Carnaval do Estado, misturando a tradição das marchinhas com axé, funk e sertanejo. E, claro, a pegação universitária. Tudo isso em um cenário preservado e deslumbrante, com direito a banho de cachoeira nos arredores para refrescar da folia.

Neste ano, as cidades históricas lutam para manter o público farto em suas ruas centenárias. Afinal, agora competem o crescimento recente do Carnaval de Belo Horizonte, que este ano espera 3,6 milhões de foliões.

Em Ouro Preto, a folia é destinada, sobretudo, ao público jovem e universitário, que se esbalda nas festas promovidas pelas repúblicas estudantis e nos blocos para foliões de pernas incansáveis, já que descem e sobem as íngremes ladeiras ouropretanas.

Em Mariana, a festa começou nesta quinta (8) com a abertura oficial feita pelo Bloco Zé Pereira da Chácara, fundado em 1852, e a Charanga Oi Tô Tonto. A folia marianense promete muita animação para espantar a crise econômica que a cidade vive após o desastre ambiental de 2015, com o rompimento da barragem da Samarco. Com o tema "Carnaval Pra Viver Mariana" a folia busca resgatar as tradições da cidade histórica e devolver alegria à população, em luto nos últimos anos.

Em Sabará, o centro histórico também é povoado por animadíssimos blocos caricatos e uma programação intensa de shows para garantir a felicidade dos foliões. Já na charmosa Tiradentes, muito frequentada por cariocas e paulistas, a festa começou nesta quinta (8) e vai até terça (13). A folia tiradentina comemora também os 300 anos da cidade, completados em janeiro último. Além dos blocos pelas ruas tricentenárias, um palco no largo das Forras garante programação de shows.

Em Diamantina, concorridíssima no Carnaval, a folia este ano é marcada pela volta dos dois maiores blocos da cidade: Bartucada e Bat-Caverna. A abertura foi na última quarta (7), com o Bloco dos Deuses e a maior orquestra de sopros já feita em Diamantina, que reuniu músicos de todas as bandas da cidade e de seus distritos. Um dos principais points do Carnaval diamantinense, o Mercado Velho, recebe programação variada em um palco especial. Entre as atrações estão o UH!Bloco e o Baianas Ozadas, maior bloco de BH. Tradicionais blocos diamantinenses como Sapo Seco, Zé do Caixão e Balão Mágico prometem arrastar a multidão pelas ruas históricas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo