12/02/2009 - 18h40

Rainha de bateria desde 1981, Luiza Brunet fala sobre o posto e Carnaval da Imperatriz

GUILHERME SCARPA

Colaboração para o UOL, do Rio de Janeiro
Depois de ficar três Carnavais sem dar o ar da graça na Sapucaí, Luiza Brunet decidiu retornar ano passado à função que desempenha há pelo menos 25 anos: rainha da bateira. E, é claro, pela Imperatriz Leopoldinense, escola em que representou a realeza dos ritmistas de 1995 a 2005, quando anunciou uma precoce aposentadoria. Agora ela revela que pretende passar outros 25 anos à frente da escola que adotou de coração.

  • Divulgação

    Luiza Brunet desfile pela Imperatriz Leopoldinense em 2008

"Voltar foi maravilhoso, eu e a Imperatriz fomos feitas uma para outra, a emoção é contagiante. Estar na frente da bateria, sentir o coração bater no mesmo rítmo é emocionante e gratificante", declara a modelo, que desfilou pela primeira vez no Carnaval de 1981, a convite do carnavalesco Joãozinho Trinta, como destaque de um carro da Beija-Flor.

Hoje, aos 46 anos, Luiza Brunet mantém o corpo que a consagrou. Causa inveja não só às outras rainhas de bateria, mas às mulheres em geral. Procura, no entanto, ser diplomática. "Da minha parte não existe competição, muito menos rivalidade, procuro me relacionar bem com todas elas, sou amiga da Adriane Galisteu, Luma de Oliveira, Natália Guimarães, entre outras", explica Brunet, que também é empresária e já atuou em novelas.

Ela também explica o caminho que segue para manter a boa forma. "A vaidade faz parte da mulher. Sem exagero, é claro. Não sou de fazer dietas, como de tudo, mas com cautela, não gosto muito de doces. Gosto de me cuidar, faço caminhadas, malho moderadamente, faço pilates, aulas de samba e massagens", conta. " Toda rainha de bateria tem sua história, a minha permanece por 25 anos, espero durar mais 25", completa a modelo, que também foi Rainha da Bateria da Portela de 1986 e 1994.

Luiza Brunet aponta a auto-estima elevada como arma essencial. "É muito importante para uma rainha de bateria estar bem consigo mesma", indica. "Meu dia-a-dia é bem agitado, gosto de dormir e acordar cedo, caminhar na praia, cuidar da minha casa, dos meus filhos, do trabalho. Enfim, uma vida normal, mas bem agitada", conta a morena, mãe da modelo Yasmin Brunet, de 20 anos, e Antônio, de 10.

  • Jorge Araújo / Folha Imagem

    Em 1988, Luiza Brunet prova fantasia que usou em desfile da escola de samba Portela

"Sempre gostei do Carnaval. A felicidade da comunidade em ver sua escola na avenida, o reconhecimento, o carinho, e o respeito. Que a Imperatriz Leopoldinense entre com tudo na Avenida e faça o melhor, derá nosso presente em comemoração aos 50 anos da escola", espera Brunet do desfile da agremiação na Sapucaí em 2009.

Desfile da Imperatriz
A Imperatriz vai participar do desfile do Grupo Especial na segunda-feira (23), entre 23h10 e 23h40, com o enredo "Imperatriz... só quer mostrar que faz samba também!". Mais uma vez, a carnavalesca Rosa Magalhães assina as fantasias. A escola que completa 50 anos dia 6 de março já conquistou oito títulos, sendo tricampeã entre 1999 e 2001, última vez que venceu.

Compartilhe:

    RECEBA NOTÍCIAS

    Hospedagem: UOL Host