08/02/2010 - 18h01

Experientes, porta-bandeira e mestre-sala recomeçam juntos na União da Ilha

Do UOL, no Rio

André Durão/UOL

Porta-bandeira Simone Pereira  e mestre-sala Alex Pedreira estreiam como casal na União da Ilha  do Governador  (12/1/10)

Porta-bandeira Simone Pereira e mestre-sala Alex Pedreira estreiam como casal na União da Ilha do Governador (12/1/10)

Simone Pereira, de 33 anos, já soma 25 anos conduzindo e apresentando os pavilhões de escolas de samba no Rio de Janeiro. Alex Pedreira, de 36 anos, tem 23 como mestre-sala. Desta vez, os dois estreiam juntos no desfile da União da Ilha do Governador. Para brilhar na Marquês de Sapucaí, o casal ensaia cerca de três horas por dia.

Mesmo experientes, eles não estão livres do frio na barriga às vésperas do desfile. Alex está há dois na União da Ilha. A primeira vez dele nos desfiles do Rio de Janeiro foi aos sete anos, tocando tamborim. “Apesar da dança, cadência parecida e entrosamento natural, ensaiamos para chegar à perfeição”, diz Alex, que trabalha como assessor comercial das 8h às 18h.

Já Simone começou na Unidos do Viradouro, onde permaneceu durante 23 anos. Lá, Simone chegou a desfilar grávida de oito meses. A morena também tem um longa-metragem no currículo, no qual deu vida à porta-bandeira no filme “Orfeu”, de 1999, dirigido por Cacá Diegues.

Para tentar driblar o nervoso, Simone faz acupunturas, pilates e recebe aplicação de reike da sogra.

O marido de Simone, Luciano Correia, é o diretor de harmonia do casal. E não dá trégua. “Entendo perfeitamente o olhar dele e chego a ficar irritada algumas vezes. Ele grava tudo com câmera digital e depois mostra o que pode ser melhorado”, diz Simone.

Para garantir a apresentação com muito fôlego, Alex também corre duas vezes por semana, cerca de 40 minutos. “No período do Carnaval chego a perder sete quilos. Com um jurado a mais, acho que será mais cansativo. Depois do desfile, não ouço nem assisto à apuração. É uma espécie de ritual. Em 2009, quando a escola subiu para o Grupo Especial, eu não vi nada, estava compenetrado no meu trabalho”.
 

Compartilhe:


    RECEBA NOTÍCIAS

    Hospedagem: UOL Host